Informações

Cuidado com falsos funcionários

Cuidado com falsos funcionários
 
Pessoas mal intencionadas podem se passar por colaboradores da AES Eletropaulo para aplicar golpes. Disfarçadas de funcionários, eles podem abordar clientes alegando vistorias de rotina ou a realização de medições nos relógios de luz das residências. Casas mais antigas, cujo medidor fica em seu interior e habitadas por idosos são as mais visadas.

Para contribuir com a segurança de seus clientes, a AES Eletropaulo informa que todo e qualquer tipo de cobrança realizada pela empresa é feita por meio da conta de energia elétrica. Tanto o serviço executado, como o valor a ser pago, é discriminado na próxima fatura que o cliente recebe. Em nenhuma circunstância é feita a cobrança no local.
 
Fique atento:
Todos os eletricistas da AES Eletropaulo estão identificados com crachá e uniforme, com logotipo da empresa.
Todos os funcionários trabalham com carro ou caminhão também identificados com o logotipo da empresa.
Mesmo em caso de empresas parceiras terceirizadas, os veículos estão identificados e com a mensagem: “A serviço da AES Eletropaulo”.
Os serviços oferecidos pela AES Eletropaulo são executados até o medidor de energia. Serviços nas instalações elétricas dos imóveis devem ser feitos por eletricistas particulares, contratados pelo próprio cliente.
Se o cliente não tiver conhecimento da visita, a distribuidora aconselha entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente da AES Eletropaulo (0800 72 72 120) para confirmar a existência de uma ordem de serviço referente ao endereço. O canal pode ainda verificar o nome e registro do empregado. Caso contrário, a recomendação é que o consumidor não permita a entrada de pessoas estranhas em sua residência.
Mesmo com todas as dicas acima, se o cliente não tiver conhecimento da visita, a recomendação é que o consumidor não permita a entrada de pessoas estranhas em sua residência.
 
Cobrança indevida:
Outro tipo comum de abordagem é a desculpa da queima de bobina do medidor. Pelo suposto conserto, os "falsos funcionários" chegam a cobrar de 90 a 280 reais, conforme apurou a empresa.
 
A AES Eletropaulo informa que todo e qualquer tipo de cobrança realizada pela empresa é feita por meio da conta de energia elétrica. Tanto o serviço executado, como o valor a ser pago, é discriminado na próxima fatura que o cliente recebe. Em nenhuma circunstância é feita a cobrança no local.
 
Periodicamente, a AES Eletropaulo comunica essas orientações ao cliente por meio da conta de luz, site oficial e canais de mídias sociais: facebook e twitter.
 
Fique atento!
© Copyright 2018 AES Eletropaulo - Todos os direitos reservados